Notícias

18.01.2017

Multiplan registra alta nas vendas de quase 3% ao longo de 2016

As vendas do último trimestre também mostraram crescimento de 3%
 
A Multiplan divulgou, no último dia 17 de janeiro, o resultado preliminar de vendas e ocupação do ano e do quarto trimestre de 2016 para os shopping centers do grupo. Os números mostram que as vendas dos empreendimentos atingiram R$13,7 bilhões, as mais altas já registradas em um ano, representando um crescimento de 2,9% sobre 2015.
 
Os cinco shoppings mais novos, ParkShoppingSãoCaetano, JundiaíShopping, ParkShoppingCampoGrande, VillageMall e Parque Shopping Maceió, em fase de consolidação, registraram um aumento em 6,4% nas vendas combinadas, acima da média do portfólio, totalizando R$2,4 bilhões das vendas. As lojas satélites alcançaram uma venda de R$27.106/m², representando um crescimento acumulado de 13,2% desde 2013.
 
As vendas do trimestre registraram uma evolução de 3,0% em relação ao mesmo período do ano anterior, alcançando R$4,4 bilhões e mantendo o histórico de crescimento em todos os trimestres desde a abertura de capital da Companhia, em 2007.
 
As Vendas na Mesma Área (SAS) cresceram 3,3% no ano, acumulando um crescimento de 14,9% desde 2013. As Vendas nas Mesmas Lojas (SSS) apresentaram em 2016 um crescimento de 1,9%. O segmento de Serviços obteve o maior crescimento no período, seguido por Artigos para o Lar & Escritório.
 
O indicador SAS apresentou um aumento de 2,5% quando comparado com o 4T15, enquanto o SSS teve uma evolução de 1,5%. Importante destacar que se trata de um crescimento sobre fortes bases, considerando o crescimento de SSS de 7,9% e 2,1% no 4T14 e 4T15, respectivamente.
 
O portfólio da Multiplan manteve uma alta taxa de ocupação no ano, com uma média de 97,5%. A Companhia registrou uma taxa de ocupação média ao longo do trimestre de 97,3%, sendo que em dezembro de 2016 era de 97,4%, mantendo-se em linha com a taxa média do 3T16. Para acessar o documento na íntegra, favor clicar aqui.
 
Aviso Legal: As informações aqui divulgadas são preliminares e poderão ser alteradas sem aviso prévio. A companhia não está obrigada a atualizar estas informações. Os leitores/investidores devem estar cientes de que muitos fatores podem afetar nossos resultados fazendo com que sejam materialmente diferentes das informações contidas neste documento. Recomendamos que o leitor/investidor não baseie sua decisão e investimento apenas nas informações acima.