Notícias

29.07.2016

Lucro da Multiplan cresce para R$98,7 milhões no 2T16

A Multiplan divulgou, no dia 28 de julho, os resultados do segundo trimestre de 2016. As vendas dos shoppings centers da companhia chegaram a R$3,2 bilhões, um crescimento de 2,7%, em relação ao mesmo trimestre do ano passado, com destaque para as Vendas na Mesma Área que se expandiram em 4,1%. O lucro líquido foi de R$ 98,7 milhões, 2,4% acima do segundo trimestre de 2015.

Todos os meses do trimestre registraram crescimento de vendas, com destaque para o mês de junho, que possivelmente refletiu o aumento do consumo relacionado às baixas temperaturas registradas no país no período.

O resultado mostra a resiliência dos empreendimentos da Multiplan frente ao cenário adverso da economia nacional, representado também pela taxa de ocupação, de 97,6%. Houve um ligeiro decréscimo na comparação com a taxa de ocupação do primeiro trimestre do ano, de 97,9%. No entanto, os cinco maiores shoppings em vendas/m² da companhia apresentaram uma taxa de ocupação de 98,7%,.

A receita de aluguel cresceu 4,9%, também com destaque para o aluguel mínimo que expandiu em 6,6% no segundo trimestre de 2016.

Após o pico da taxa de inadimplência bruta dos shopping centers (atraso no pagamento de aluguel superior a 25 dias) no primeiro trimestre de 2016,  o indicador caiu para 4,0% no segundo trimestre. Seguindo a mesma tendência, a taxa de inadimplência líquida, que considera as recuperações de inadimplências de trimestres anteriores, apresentou uma queda ainda maior, de 3,6% nos primeiros três meses do ano para 2,4% no segundo trimestre.

A receita bruta totalizou R$ 301,8 milhões no segundo trimestre de 2016, um aumento de 5,2% quando comparada ao segundo trimestre de 2015. As receitas de locação, serviços e estacionamento foram os principais destaques, e juntos adicionaram R$ 18,2 milhões.

A relação Dívida Líquida/EBITDA de 2,43x reflete os investimentos de R$ 64,5 milhões no trimestre e o pagamento de R$ 115,8 milhões de Juros sobre Capital Próprio líquido anunciado em dezembro de 2015; parcialmente compensados pela forte geração de caixa no período. O EBITDA fechou o trimestre em R$ 195,3 milhões, 5,0% acima do mesmo período do ano anterior.

Em 27 de junho de 2016, também foi anunciada a distribuição de R$ 95  milhões em Juros sobre Capital Próprio. O montante representa R$ 0,50/ação aproximadamente, que serão pagos aos acionistas registrados nos livros da companhia em 30 de junho de 2016.

No primeiro semestre de 2016, o preço da ação MULT3 (na BM&FBOVESPA) subiu 58,6%, com volume médio diário negociado de R$ 41,7 milhões.